Só faltou a Vera Fischer.

vera

Há tempos, um amigo meu fico perpelxo  quando lhe contei que nao sonhava. “O QUEEEE? – Replicou o bastardo – SONHAR É UMA DE-LÍ-CI-A!”.

Esfregou na cara mesmo.

Tudo bem que eu nunca tive muita sorte com os benditos sonhos. Em uma erma noite sonhei que estava com (ahem…) Dado Dolabela e Antônio Fagundes em um celeiro. Atores globais em um cenário de filme pornô.

Plin Plin, a gente se ve por aqui.

No dia seguinte achei que estava no elenco de Malhação.

Sem contar que sempre tem aquele seu amigo super disposto a te contar detalhadamente todo o rebosteio mental da noite anterior pra você. É claro que todo mundo tem tempo de ouvir historinhas sobre…Hmmm… O que você estava dizendo amigão?

Sonhar ou nao sonhar não é bem a pauta do dia, o que mais me interessa é dormir mesmo. Desde que eu tenho uns 13 aninhos meu corpo decidiu que descansar é para os fracos e que se foda as minhas olheiras.

A minha cachorra, deitadinha no tapetinho encardido dela, está roncando neste exato momento na porta do meu quarto. A Raquel acabou de despertar inchada de tanto dormir e meu pai ja resolveu metade dos problemas incovenientes da vida dele em 30 minutos nesta  petulante manhã chuvosa.

Finjo que ja me conformei, “Ah, pega nada”… Minto horrores. Queria mesmo era babar no meu travesseiro, me afundar naquele cochilo e me jogar no ronronar da sonolência.

Não tenho noites sossegadas, e sonhos, quando rolam, são motivo de espanto no momento em que eu acordo. Meu maior desejo no momento é ser carregada pela preguica. NICE.

Ai você se pergunta “E se o Santo dos Sonhos resolver entuchar atores globais nas suas ilusõess noturnas hein Marília ?”

Bom, ai prefiro mesmo é nao cerrar os olhos e me conformar. Sonhar acordada sem a Verinha.

(Este texto porcamente redigido é dedicado a esta noite especial que eu tive: acordei as 4 da matina, e minha aula eh as 4 da tarde. Valeu Jesus e tenham um otimo dia.)

Anúncios

A Pausa.

Tudo começou com a paradinha do Ronaldo.

Nada como um ex-fenômeno do futebol brasileiro/europeu expandir ainda mais a febre corinthiana em Sao Paulo.

Eu como uma magrela Corinthiana não tenho muito do que reclamar: o cara fica ali passeando, suando, pondo a maozinha no joelho e quando pega a bola dá um passinho pro lado, toca com o calcanhar e BANG!  É Gol.

Ronaldo tem o mínimo de classe quando não se mexe muito dentro de campo e quando nao esta atrás (ou na frente) de outras bolas… mas AH! AH!  Aquela paradinha antes de bater o penalti foi coisa de Maysa quebrando seu nariz com uma barbie de ferro no SBT e pedindo um aumento pro Silvio (ao vivo) em pleno horario nobre.

Arrogância não dá Ronaldinho, arrogância não dá.

E tudo termina assim (até o mundo se você me perguntar): eu achando meu time foda e me unindo ao arrogante mundo virtual.